4 dicas de gestão de equipes para seu negócio decolar!

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on email

Você conseguiu contratar os funcionários que queria, mas sente que o desempenho está abaixo do esperado? Isso é sinal de que você precisa aprimorar sua gestão de pessoas.

Para que o talento adormecido dos colaboradores se converta em bons resultados, você precisa desenvolver uma gestão de equipes verdadeiramente profissional.

Lidar com pessoas nunca é uma tarefa simples. No entanto, nós temos 4 dicas de gestão de equipes fundamentais para impulsionar o crescimento do seu negócio. Confira!

1. Defina metas realistas

Independentemente do porte e das ambições de uma empresa, o caminho é marcado por uma série de dificuldades. O curioso é que, muitas vezes, os gestores simplesmente dificultam ainda mais o processo.

O fato de ter excelentes profissionais à disposição não significa que você deva esgotá-los com metas inalcançáveis. A adoção dessa linha fora da realidade fará com que os colaboradores se frustrem consigo mesmos. Alguns chegam até a duvidar das próprias habilidades — aquelas mesmas que foram tão elogiadas pelo gestor no ato da contratação.

Metas inatingíveis exigem uma elevada dose de dedicação e energia. Por mais que, em princípio, os funcionários aceitem o desafio, uma hora ou outra as consequências aparecerão. Nem é preciso ir muito longe para concluir que, em um futuro próximo, a energia e entusiasmo da equipe se dissolverão.

Se você deseja ser especialista na ação de motivar a equipe, saiba canalizar a energia e empenho das pessoas para metas viáveis. Ao término, todos ficarão felizes e poderão comemorar as façanhas juntos. Com as vitórias, a concentração e o ânimo se renovam para as próximas metas, criando, assim, um ciclo positivo e autossustentável.

2. Promova treinamentos contínuos

Os treinamentos são igualmente importantes, pois os funcionários não apenas aperfeiçoam as próprias habilidades, mas também aprendem outras. O segundo caso é ilustrado pela inserção de novas tecnologias na empresa. Por mais intuitivos que sejam, alguns sistemas e softwares necessitam de alguma preparação voltada ao uso. Não basta decidir reformular e automatizar os processos sem fornecer os meios para que as equipes se familiarizem com a mudança.

Você não precisa promover treinamentos somente durante as fases de revisão e alteração de procedimentos e ferramentas. Na verdade, o ideal é criar um cronograma de treinamentos ao longo do ano. Basta lembrar que sempre há algo para melhorar ou aprender.

Ao implantar uma rotina (com moderação) de treinamentos na sua empresa, você sinaliza que deseja ter profissionais cada vez mais qualificados. Os colaboradores, por sua vez, também tender a enxergar os eventos como uma excelente oportunidade de crescimento pessoal e profissional.

3. Ouça o que os colaboradores têm a dizer

Toda gestão de equipes exemplar é pautada na capacidade de ouvir atentamente as sugestões e insatisfações de seus membros.

A partir de um canal de comunicação aberto e transparente, é possível entender melhor o cenário vigente. Mais do que isso: você passa a conhecer melhor as pessoas que estão ali, tentando mudar os números gerados pela empresa.

Não se trata somente de marcar reuniões burocráticas, entediantes e cansativas. Em momentos de tomada de decisões delicadas, esses encontros são primordiais, porém é interessante manter a porta aberta para receber os funcionários em momentos, digamos, mais espontâneos.

Às vezes, o colaborador com melhor desempenho da equipe está vivenciando problemas graves e você pode ajudar de algum modo. O simples gesto de oferecer uma conversa já é visto pela outra pessoa como uma atitude de respeito e compreensão.

Você não precisa se transformar em um consultor de problemas pessoais. Porém, demonstrar empatia é algo substancial para qualquer indivíduo que almeje se tornar um grande líder algum dia. Além disso, os gestores que realmente se importam com as pessoas não têm meros funcionários, e sim parceiros de negócio.

As portas também devem ficar abertas para ouvir propostas de melhoria. Ao perceber que uma ideia reúne todas as características de uma solução promissora, permita que o criador participe do processo de implantação. Essa é uma ótima forma de fazer com que os funcionários se sintam valorizados. Quanto maior a valorização, maior será o empenho durante a execução das atividades cotidianas.

4. Conceda feedbacks com regularidade

Algo que também prejudica o desempenho dos colaboradores é a falta ou irregularidade dos feedbacks relacionados à realização das atividades designadas a eles. Não à toa, a avaliação do desempenho é uma das prioridades de qualquer gestão de equipes, tanto individual como coletiva.

Com o fornecimento constante de feedbacks, todo mundo saberá exatamente quais são os pontos fracos e fortes. Se a organização deve se embasar em metas claras e objetivas, o mesmo raciocínio vale para os membros das equipes.

Com relação ao modelo de aplicação dos feedbacks, vale a pena tanto entregar as observações por escrito como comentá-las pessoalmente. O registro (seja impresso ou em arquivo digital) da avaliação propicia ao funcionário o indispensável exercício de leitura. Além disso, caso queira rever todas as críticas (positivas e negativas) relacionadas a cada feedback, ele poderá acessar o documento correspondente quando quiser.

No que tange à avaliação presencial, todos os comentários, notadamente os negativos, devem vir à tona com bastante tato. A intenção, aqui, é esclarecer ao avaliado que a função do feedback é a de facilitar a superação de eventuais obstáculos.

Enquanto avalia colaboradores, aproveite para observar as habilidades de destaque de cada um. Ocasionalmente, alguns funcionários rendem mais em funções específicas. Se o grande “x” da questão é descobrir qual seria o remanejamento interno mais adequado, os feedbackspodem fornecer algumas pistas significativas.

Perceba que o processo de gestão de pessoas depende de muitos aspectos, os quais precisam ser analisados com calma. Com essas dicas de gestão de equipes, você já tem uma boa base para melhorar os resultados do seu negócio.

Gostaria de conhecer outras dicas que colocarão sua empresa no caminho do sucesso? Acesse nossa área de conteúdo!

Compartilhe esse Post

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on email

Como podemos ajudar a sua empresa a crescer

Conselho Mudando o Jogo

Criamos grupos de Conselho de Administração para compartilhar e discutir em alto nível os desafios de gestão estratégica e te ajudar a tomar as decisões que vão levar sua empresa para o próximo nível! Você pode entrar para uma das turmas ou criamos um conselho só para a sua empresa.

Mentoria Mudando o Jogo

Provavelmente você tem uma estrutura, no seu negócio, com um potencial de gerar resultados muito maiores do que você está atingindo atualmente. Não precisa ser assim, estruturamos uma metodologia própria para otimizar a sua gestão e alavancar o resultado do seu negócio.

Painel CMJ

Convidamos empreendedores do mais alto nível para debater com os Conselheiros do Mudando o Jogo as questões mais atuais sobre gestão empresarial.  Experiências e Know-how que podem acelerar o desenvolvimento da sua empresa.
Podcast

Mudando o jogo

Conversa de empresário! 

No Podcast Mudando o Jogo trazemos discussões relevantes que estão acontecendo em nossas reuniões de Conselho.

Podcast Mudando o Jogo

Gustavo Succi & Luciano Garcia

Canal CMJ no Youtube

Conversas estratégicas entre quem coloca a mão na massa e faz acontecer.

Assista discussões entre convidados e Conselheiros sobre o dia-a-dia das empresas e as estratégias que estão gerando resultado.

Além disso, os inscritos no canal recebem o convite para o Painel CMJ e são lembrados assim que ele começa!

Receba um contato personalizado do nosso time

Preenchendo o formulário abaixo nosso time vai avaliar a sua aplicação e entrar em contato para entender seus desafios e o nível de complexidade da sua empresa. 

Nossa análise é detalhada para que cada empresário que participa de uma das turmas do Conselho Mudando o Jogo faça parte de um grupo em que ele recebe muito, mas também contribui para o desenvolvimento dos outros empresários. 

A partir desse entendimento, vamos identificar qual turma do CMJ seria mais interessante para você, para o negócio dos outros membros e daremos início a sua preparação e boas vindas a turma: 

*Informações obrigatórias.